Posts Tagged ‘matemática’

A arquitetura não passa de uma tentativa imperfeita de se copiar a natureza, ultracomplexa pelo acúmulo e sobreposição de funções infinitas, por capricho de Deus ou por disposição de um acaso caótico acumulado durante a infinitude da existência.
É claro que se assim fosse, simplesmente, tudo tornaria ao pó primordial cheio de energia. Mas, como se sabe da física clássica medíocre em suas acepções (se bem que disso eu não entenda absolutamente nada, critico por esporte mesmo :P), a tendência de todo sistema é instaurar-se numa posição de menor nível energético, que se dissipa para fora desse sistema. Em se tratando de universo, a energia se dissipa internamente e se reordena. Aí já não é meu departamento, pura especulação…
A idéia é chegar à conclusão de que a arquitetura, com a gravidade, as leis da física de constituição dos sistemas, os desejos inteligentes dos seres, e a tendência ao descanso no menor estado de energia física (porém, cada vez maior em energia simbólica e inteligível) é o resultado da conjuntura dessas diversas sobreposições essenciais. Como se fossem várias influências advindas do mundo ideal moldando o mundo material. Aí já é metafísica, pulamos essa parte.
No vídeo, muito bonito por sinal, estão elencados de forma soberba e magnífica algumas suposições matemáticas relacionadas e teoricamente comprovadas ao mundo vivo. Gyorgy Doczi em seu livro O poder dos limites lista uma série de coincidências estéticas, felizmente, limtando-de a documenta-las e não em explica-las como eu tento fazer (que bobagem…isso tudo é obra de Deus simplesmente), o que é imparcial e muito interessante. Vale conferir e entender mais sobre o assunto. Segue o video, autoria de Cristóbal Vila, poético, direto, muito bem editado e um show visual. A questão, resolvida de forma perfeita, é passar a idéia, e não fazer um tratado profundo sobre o assunto em animação. Parabéns Vila, muito bom o trabalho.